domingo, setembro 26

Noite e algo mais !

Quando a hora se aproximar,
nenhum temor, nenhuma incerteza, nem desespero.
Nós, filhos do universo,temos o favor dos deuses
a loucura bacante,
o amor das palavras e dos sentidos.
Nossa boca falará do que nosso coração
estiver cheio - disse o profeta.
A sala se iluminará,
os aromas e desejos tomarão tudo
as pessoas buscarão os seus lugares
como se lugares existissem para alguém.
Tudo é transitório.
Nosso teatro sem forma, encarna-se nas ondas sonoras.
Nas reações, no abandono, na tolerância,
no apaixonar-se pelo que se faz,
pelos nossos companheiros de breve jornada.
Quando o amor pelo melhor
conseguir impregnar nossa alma,
quando o aperfeiçoamento constante for uma meta,
e exigirmos um tratamento descente
para a nossa criação, para nós mesmos,
para os outros,
como poderemos deixar de amar a "noite"?
Só podemos ofertar o que temos...
tudo o mais nos escapa.
Em cada folha,
escrevemos um pouco da nossa história,
interpretamos uma vida que não é nossa,
uma vida de cada vez.
Esperando que alguém nos veja e aprecie,
que os aplausos apareçam
e que de alguma forma misteriosa
possamos comungar com o público,
com os companheiros, com nós mesmos.
Todos os encontros são frutíferos,
mas alguns frutos são amargos
e tudo antes é semente,
que se esconde e germina sem que possamos ver.
O escravo da visão, não vê verdadeiramente.
Minha confiança, não se esvai...
A sala ficará iluminada com nossa presença
e teremos então nossa
"Noite de Reis".

Para: Viviane,Clara,Hilda,Orlando,Márcio,Giordano
Eduardo, Junior,Elias e os outros.

elias mouret

A Trupe de Copas apresentará:
"NOITE DE REIS" de William Shakespeare
Terça, 28 de setembro, 20h.
no MUDA.
( leitura dramatizada)

Um comentário:

Clara disse...

"Minhas palavras foram muito bem escritas...Não trago declaração de guerra, tampouco venho prestar homenagem. Tenho em minhas mão o ramo de oliveira: minhas palavras são plenas de paz e de conteúdo." Palavras que saem da boca de Viola e que pego emprestadas para agradecer, ter tido tardes e noites dedicados ao encontro com esse autor fantastico foi um garnde desafio e prazer para mim, minha alma está plena com esses dias de ensaio e meu coração disposto a dar o melhor de si amanhã, adorei cada segundo (mesmo os mais dificeis) e como esse lindo diretor falar, amanhã a sala ficará iluminada com nossa presença. e então "A peça acabou! E vamos tentar, cada vez mais, agradae a cada dia".